Especificidades dialógicas do teatro para a infância

com

Viviane Juguero

dramaturga, pesquisadora, atriz e professora

Sinopse

O conhecimento sobre as especificidades das produções voltadas ao público infantil possibilita a realização de trabalhos fundamentados tanto artística quanto pedagogicamente. Além do embasamento necessário à criação artística, a formação de profissionais da área resulta em projetos mais qualificados, o que amplia as possibilidades de aprovação em editais de fomento. Em mais de quinze anos de trabalhos artísticos dedicados à infância, além de estudos desenvolvidos em seu mestrado e doutorado (PPGAC/UFRGS), Viviane Juguero elaborou o entendimento de lógica lúdica infantil, com base no qual propõe princípios dia-lógicos que sustentam criações artísticas para crianças, com o intuito de criar trabalhos que divirtam, emocionem e propiciem distintas elaborações, por meio de composições multissignificativas e pluriperceptivas. O aprofundamento desse conhecimento específico é imprescindível tanto na qualificação de trabalhos dedicados à infância quanto na ampliação das ferramentas avaliativas e reflexivas das pessoas adultas mediadoras.
No link Estudos Brincantes – www.bandodebrincantes.com.br – estão disponibilizados diversos artigos, ensaios e entrevistas que integram esta investigação.

Duração 180 minutos

Serviço

Data 10/10
Horário 16h  
Duração 180 minutos
Inscrição gratuita através do email inscricoes@festecri.com
Local Theatro São Pedro (Praça Marechal Deodoro, s/n° / Centro Histórico / Porto Alegre/RS)
10/10
16h
Theatro São Pedro
Inscrições gratuitas

Público alvo

profissionais do teatro, classe artística, educadores, produtores culturais, estudantes e interessados no assunto

Viviane Juguero

Artista, com ênfase na área da dramaturgia, professora, investigadora e produtora cultural. Em seu doutorado (UFRGS/UW Madison), desenvolveu o conceito de dramaturgia radical, parcialmente elaborado nos Estados Unidos (U.W. Madison/PDSE/CAPES). Iniciou sua carreira artística em 1994. Idealizadora do Bando de Brincantes, possui mais de quinze anos de atuação na área de arte para crianças, na qual já recebeu prêmios de música (Prêmio Açorianos de Melhor Disco Infantil 2010) e de teatro (Prêmio Tibicuera de Espetáculo 2012 e de Dramaturgia 2013).
Possui livros publicados, canções, textos encenados, artigos e ensaios, no teatro e no audiovisual, realizados no Brasil e no Exterior, para público infantil e adulto. Como professora, desde 2006, ministra diferentes cursos, por meio de Secretarias e Ministérios da Cultura e da Educação, Unidades do SESC e Universidades. Foi diretora do Teatro de Arena. É representante regional do Centro Brasileiro de Teatro para a Infância e Juventude – CBTIJ.